Curso Geral de Gestão celebra aniversário com encontro de alumni de todas as edições

Formulário de pesquisa

Curso Geral de Gestão celebra aniversário com encontro de alumni de todas as edições

Curso Geral de Gestão celebra aniversário com encontro de alumni de todas as edições

É um dos programas best seller da Porto Business School e este ano volta a bater recordes, com um aumento de 22% do número de alunos. O Curso Geral de Gestão celebrou 29 anos de existência com um encontro muito especial que reuniu Alumni das várias edições.

1.400 alunos em 66 edições, ao longo dos últimos 29 anos. Os números impressionam e fazem do Curso Geral de Gestão um caso de sucesso na Porto Business School, como uma formação de referência que uniu diferentes gerações, ao longo das últimas três décadas.

 

António Amaro foi aluno da primeira edição do Curso Geral de Gestão, numa turma, na altura, de 20 alunos. Engenheiro Mecânico de formação, recorda que, na altura, o Curso Geral de Gestão permitiu “uma abertura muito grande de mentalidade”. “Ainda hoje, com a idade que tenho, todos os dias leio, todos os dias estudo. E lembro-me sempre que estas coisas abrem a mentalidade das pessoas. Para mim foi e continua a ser muito importante”, conta. Hoje com 78 anos, António Amaro, foi um dos muitos Alumni que reencontrou colegas e professores no encontro do Curso Geral de Gestão, que juntou mais de uma centena de participantes no dia 23 de fevereiro, num evento muito especial na Porto Business School.

 

Daniel Bessa, antigo diretor do programa e antigo diretor da Porto Business School, acredita que o Curso Geral de Gestão terá sido o maior contributo da Porto Business School para a transformação do tecido empresarial, sobretudo da região Norte. “Nós insistíamos muito para que as pessoas viessem numa situação de aumento de responsabilidade, funções mais qualificadas e mais exigentes, e vinham aqui juntar competências de gestão às competências técnicas que normalmente já tinham. A Escola foi sempre muito forte na relação entre os alunos, o ambiente entre cada programa era muito bom, as aulas foram sempre muito participadas, cada um com as suas experiências, e depois o corpo docente... aqui procurou-se sempre ter gente com carreiras académicas e profissionais experientes”, recorda.

 

O dean da Porto Business School, Ramon O'Callaghan, que fez a abertura do encontro destacou o sucesso do programa, o programa com a melhor avaliação de sempre e um número recorde este ano, registando um aumento de 22% no número de alunos nas ultimas duas edições. Um dia histórico, que é um reconhecimento à comunidade Alumni, “uma comunidade muito forte, à qual a escola tem dedicado vários eventos e iniciativas através da unidade de Corporate Relations & Alumni. “É prestar a devida homenagem a todos os alunos que ao longo de três décadas passaram pelo Curso Geral de Gestão”, afirmou o dean da Porto Business School.

 

Ana Maria Sousa, responsável pela unidade de Relações Institucionais e Alumni, sublinhou o sentimento de pertença cada vez mais forte da comunidade Alumni, e para o qual têm contribuído as atividades ao longo do ano, pensadas para os antigos alunos e que assentam em quatro vetores: Be Connected, Continuous Learning, Desenvolvimento de Carreira e Oportunidades de negócio.

 

Luísa Machado pertence à geração mais nova e à 62ª edição do Curso Geral de Gestão. Esta jovem enfermeira que trabalha numa empresa de software na área da geriatria, veio à procura de uma mudança profissional. “Gostava de fazer gestão de projeto, gostava de continuar ligada à área das IT porque é uma área que eu gosto, apesar da minha formação de base ser um bocadinho distante. As áreas da gestão operacional e da logística também me agradam”, adianta.

 

Em jeito de balanço, João Castilho, alumnus da 64ª edição, acredita que o programa o tornou mais competente nas funções que exerce como diretor de operações numa empresa em Paços de Ferreira. “Deu-me uma visão completamente diferente. Eu estava muito focado na produção e no planeamento e na gestão da produção e aqui (com o programa) passei a ter uma visão muito alargada de tudo o que era a parte da logística, a parte operacional, a parte financeira, em todos os setores”, afirma. 

 

O que faz, afinal, do Curso Geral de Gestão uma formação que soma já 66 edições – está prestes a iniciar a 67ª um caso de sucesso? 

 

José Luís Alvim, diretor do programa explica os motivos: a metodologia do programa, que funciona em regime intensivo durante cinco semanas, uma semana por mês, a forte network e o corpo docente, com experiência académica e profissional.  “Toda esta estrutura suporta e é bastante atraente e bastante competitiva, do ponto de vista da formação dos participantes. A juntar a tudo isto, esta a grande experiência e o perfil académico e profissional dos docentes, todos eles com muitos anos de experiência e conhecimento dos temas, tanto na vivência académica como na vivência empresarial, e depois a excelente qualidade dos alunos que temos tido, que cria uma dinâmica muito forte”, explica José Luís Alvim.

 

O programa envolve todas as áreas da gestão e inclui, por isso, as questões ligadas à liderança, negociação, comunicação, marketing, gestão de projetos e processos, controlo de gestão, análise financeira, estratégia, inovação e competitividade. No âmbito do programa, os alunos têm de desenvolver um plano de negócios onde procuram simular situações reais e fazem visitas às empresas, para contactarem diferentes realidades do tecido empresarial.

 

Pela abrangência e transversalidade, o Curso Geral de Gestão é frequentado por alunos com diferentes formações de base, da engenharia à medicina ou arquitetura. “Uma característica que é transversal a todas as formações de base é o facto de serem quadros em progressão de carreira e que querem atingir postos de chefia e direção de uma organização, e que possam ter uma formação parcelar funcional, diferente da área da gestão. E ficam preparados para gerir, da nossa perspetiva, qualquer organização, de pequena, média ou grande dimensão”, explica o responsável do programa José Luís Alvim.

 

O programa enquadra-se também no perfil dos candidatos que querem avançar por conta própria, porque todos os temas abordados são cruciais para quem quer criar uma empresa. “Como temos um perfil de candidatos bastante jovem, com cerca de 30 anos, todos eles têm uma capacidade de inovação e empreendedorismo bastante forte e que se alastra com bastante facilidade à turma”, afirma o diretor do CGG.

 

O sucesso do CGG explica-se também pela sua capacidade de reinvenção ao longo dos anos. “Na Porto Business School vivemos um ambiente onde todos os docentes convivem imenso, trocam imensas experiências, a nossa escola está muito integrada nas dinâmicas nacionais e internacionais ao nível das novas competências e nós não poderíamos ficar fora disso (…) É uma lógica de aprendizagem permanente e levamos isso para as nossas disciplinas e para o nosso dia a dia”, sustenta José Luís Alvim.

 

O encontro do Curso Geral de Gestão juntou alunos de diferentes gerações num evento cheio de surpresas: uma viagem ao futuro com Tiago Forjaz, o orador convidado da sessão que abordou o tema da gestão de carreira, um momento de jogo, que colocou à prova os conhecimentos dos participantes sobre o percurso da Escola e a atuação do coro “Leading Voices", que antecedeu o jantar.

 

 

6ª edição do Programa Avançado de Gestão, um spin-off do Curso Geral de Gestão, arranca a 16 de março

 

O Programa Avançado de Gestão tem uma base comum com o Curso Geral de Gestão - uma abordagem aos temas críticos da área da gestão  - mas desenvolvida mais aprofundadamente e com uma metodologia diferente, visto que está vocacionado para quadros de direção nas organizações e executivos de topo.

 

José Luís Alvim é também o diretor deste programa, no qual destaca a qualidade do corpo docente, com especial enfoque para a perspetiva internacional trazida por docentes internacionais como Mark Fritz, especialista em Liderança e autor de livros como "The Truth about Getting Things Done" e "Lead & Influence: Get More Ownership, Commitment, and Achievement from Your Team",  Henrique Corrêa, especialista em Supply Chain e professor da Rollins College, ou Luís Solís, do IE -Instituto de Empresa e que trazem “outra visão do mundo, têm uma forma de olhar para as empresas muito global”.

 

A sexta edição do Programa Avançado de Gestão arranca em março e ainda que o seu percurso não possa ser comparável ao percurso do Curso Geral de Gestão, que conta já com quase 30 anos de existência, segue com bons resultados. “É um programa competitivo e que, estamos convencidos que corresponde às necessidades dos executivos portugueses e que permitirá, na minha perspetiva, dentro de alguns anos, competir perfeitamente à escala internacional em termos de formação nesta área”, conclui o diretor do programa.